quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Como um Pássaro na Gaiola.



Por Irismar Oliveira
Uma vez passei por um momento muito difícil, e nessa dificuldade eu me sentia como um pássaro preso numa gaiola. Nessa época em meu coração  eu chorava e dizia:

Deus estou me sentindo como um pássaro triste dentro de uma  gaiola. e não estou sabendo me comportar dentro dela, minha visão esta embaçada e limitada, e essa sensação é horrível. Deus, a minha maior preocupação nesse momento é quando vão abrir a porta da gaiola para que eu possa sair e não como agir dentro dela. Nesse período li duas coisas que  guardei  em meu coração, com elas Deus ensinou que a coisa mais importante naquele momento não era a porta ser aberta e eu sair, mas as minhas atitudes dentro da gaiola, pois eu precisava aprender a adorá-lo em TODO tempo e em qualquer LUGAR.  A primeira foi um pensamento que dizia: 

Você nunca viu um pássaro 
chorando quando está preso!

e a outra foi  esse lindo poema: 


Um Pássaro na Gaiola

1. Sou um passarinho, sem campos, sem ar
Na minha gaiola sento-me a cantar
Para Quem aqui me aprisionou.
Bem satisfeito prisioneiro sou
E assim, meu Deus, quero Te agradar.

2. Aqui, nada tendo para realizar,
Todo o longo dia só posso cantar.
As minhas asas Ele amarrou,
Mas o meu canto muito O agradou,
Ainda Se curva pra me escutar.

3. Tu tens paciência para me escutar,
E um coração pronto para a mim amar.
Gostas de ouvir meu rude louvor
Pois sabes que o amor, quão doce amor!
Inspira todo esse meu cantar.

4. Preso na gaiola não posso sair,
Mas minha prisão não pode me impedir
A liberdade do coração
Que sempre voa em Tua direção,
Minh´alma livre, a Ti vai se unir.

5. Oh! Que gozo imenso poder me elevar
Para as alturas a Ti contemplar.
Tua vontade e desígnio amar
Minha alegria neles encontrar,
Livre, em Teus braços me aconchegar

Madame Guyon

Então sabemos: 
E sabemos que tudo quanto nos acontece está operando para o nosso próprio bem, se amarmos a Deus e estivermos nos ajustando aos plano dele. Rm 8:28 

Porque dele e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém. Rm 11:36