O tempo Corre...

19:17 Irismar Oliveira 0 Comments

Uma pequena reflexão
para o ano que está
chegando

Só poderemos desfrutar do novo
se nos livrarmos do velho 
só poderemos chegar ao final
se dermos o primeiro passo

Não adiante desejar algo
de bom e novo se estivermos 
 no caminho errado

leia o que disse C. S. Lewis

O tempo corre!!
Você nunca será velho o suficiente para definir
outro objetivo ou sonhar um novo sonho.

Todos nós desejamos o progresso, mas se você está na estrada
 errada, progresso significa fazer o retorno e voltar para a estrada 
certa; nesse caso, o homem que volta atrás primeiro é 
o mais progressista.


( By Irismar OLiveira)  

___♥♥____





0 comentários:

Necessitais de Paciência?

10:19 Irismar Oliveira 0 Comments



Paciência é a virtude  que nos
faz suportar com resignação.

Quais as causas de NÃO termos
algumas conquistas na vida?

Como...
As promessas de DEUS para nós
Terminar os estudos,
Manter-se no emprego
Economizar algum dinheiro
Terminar um projeto

Será as Circunstâncias ou
está-nos faltando algo?

Por nos faltar paciência logo ficamos....
Chateados
zangados
Desistimos das coisas
Perdermos o equilíbrio
Perdemos a paz
Com muita Facilidade...

A Paciência tem duas companheiras
 A PERSEVERANÇA e a CONFIANÇA

Minha oração nessa manha é que
O senhor nos ajude, nos fortaleça
Que gere nos corações PACIÊNCIA
para que, depois de haverdes feito  
a vontade  de Deus, alcancemos suas
 PROMESSAS....

Oro para ....
não rejeitemos a nossa CONFIANÇA, pois

 Ela tem grande galardão. Hebreus 10:35-37

( By Irismar Oliveira) 

___♥♥____



0 comentários:

Uma Faxina na Alma

22:22 Irismar Oliveira 0 Comments


PERDÃO, A FAXINA DA ALMA

Por Rev. Hernandes Dias Lopes
O perdão é a cura das memórias, a assepsia do coração, a faxina da alma. O perdão é uma necessidade vital e uma condição indispensável para termos uma vida em paz com Deus, com nós mesmos e com o próximo. Uma vez que somos falhos e pecadores, estamos sujeitos a erros. Por essa razão, temos motivos de queixas uns contra os outros. As pessoas nos decepcionam e nós decepcionamos as pessoas.

É impossível termos uma vida cristã saudável sem o exercício do perdão. Quem não perdoa não pode adorar a Deus nem mesmo trazer sua oferta ao altar. Quem não perdoa tem suas orações interrompidas e nem mesmo pode receber o perdão de Deus. Quem não perdoa adoece física, emocional e espiritualmente. Quem não perdoa é entregue aos verdugos da consciência. O perdão, portanto, não é uma opção para o crente, mas uma necessidade imperativa.

O perdão é uma questão de bom senso. Quando nutrimos mágoa no coração, tornamo-nos escravos do ressentimento. A amargura alastra em nós suas raízes e produz dois frutos malditos: a perturbação e a contaminação. Uma pessoa magoada vive perturbada e ainda contamina as pessoas à sua volta. 

Quando guardamos algum ranço no coração e nutrimos mágoa por alguém, acabamos convivendo com essa pessoa de forma ininterrupta. Se vamos descansar, essa pessoa torna-se o nosso pesadelo. Se vamos nos assentar para tomar uma refeição, essa pessoa tira o nosso apetite. Se nosso propósito é sair de férias com a família, essa pessoa pega carona conosco e estraga as nossas férias. Por essa razão, perdoar não é apenas uma questão imperativa, mas, também, uma atitude de bom senso. O perdão alivia a bagagem, tira o fardo das costas e terapeutiza a alma.


Mas, o que é perdão? Perdão é alforriar o ofensor. Perdoar é não cobrar nem revidar a ofensa recebida. O perdão não exige justiça; exerce misericórdia. O perdão não faz registro das mágoas. Perdoar é lembrar sem sentir dor.

Até quando devemos perdoar? A Bíblia nos diz que devemos perdoar assim como Deus em Cristo nos perdoou. Devemos perdoar de forma ilimitada e incondicional. Devemos perdoar não apenas até sete vezes, mas até setenta vezes sete. Por que devemos perdoar? Porque fomos perdoados por Deus. Os perdoados precisam ser perdoadores. No céu só entra aqueles que foram perdoados; e se não perdoarmos, não poderemos ser perdoados. Logo, todo crente em Cristo precisa praticar o perdão.

Quem deve tomar iniciativa no ato do perdão? Jesus disse que se nos lembrarmos que nosso irmão tem alguma coisa contra nós, devemos ir a ele. Não importa se somos o ofensor ou o ofendido. Sempre devemos tomar a iniciativa, e isso com humildade e espírito de mansidão. Precisamos entender que o tempo nem o silêncio são evidências de perdão.

É preciso o confronto em amor. Há muitas pessoas doentes emocionalmente porque não liberam perdão. Há muitas pessoas fracas espiritualmente porque não têm a humildade de pedir e conceder perdão. Precisamos quebrar esses grilhões, a fim de vivermos a plenitude da liberdade cristã.

O perdão é a manifestação da graça de Deus em nós. Se nos afastarmos de Deus, nosso coração torna-se insensível. Porém, se nos aproximarmos de Deus, ele mesmo nos move e nos capacita a perdoar assim como ele em Cristo nos perdoou.



___♥♥____





Faça uma visita a sua pagina no face:Hernandes Dias Lopes

0 comentários:

Amor será sempre um ato de fé no outro.

17:39 Irismar Oliveira 0 Comments

Amar é.....

O cérebro é onde mora a razão
É claro que amor não é só coisa do coração
É também coisa da razão

Mas quem ama somente com o cérebro
Ama friamente, ama fazendo calculo,
Medindo e avaliando o outro
E o podando para que ele possa se encaixar 
nas suas perspectivas tais e tais, de amor

Fica, pois dito, que amor incondicional
Só é possível quando se ama com o coração
E não apenas com o coração mas de todo o coração

Sem fazer cálculos, sem fazer medidas, julgamentos e avaliações
muito embora sabendo quem o outro seja conhecedor dos seus
defeitos e das suas qualidades potenciais. Porque a razão o
identifica e o conhece como ele é mas é o coração, se o ama,
que o aceita como ele é

E nesse caso, amor será sempre um ato de fé no outro
E não uma tentativa desesperada de mudar o outro

Porque o outro, se compreendido pela razão
E amado pelo coração mudará por si mesmo

Ou como Chesterton disse certa vez:
A fera precisa ser amada
Antes de se tornar amável



( By V.B Mello)

Fonte do artigo: Alimento da Alma

___♥♥____







0 comentários:

Amar é decisão ...

12:56 Irismar Oliveira 0 Comments

Nisto consiste o amor: não em termos nós amado a Deus, 
mas em ter-nos ele amado, e enviado o seu Filho para expiar 
os nossos pecados” I Jo 4.10.


Por  C. S Lewis
É conhecida dos cristãos essa citação, na verdade ela é sustento para nossa fé onde Cristo enviado por Deus Pai veio e se deu pela nossa salvação. Deus nos amou por primeiro Ele quem de todas as formas possíveis tem nos procurado a fim de em nós repousar seu amor. Ainda que sintamos em nós um sentimento de amor por Deus seu interesse não estar em ser amado mas que deixemos que Ele nos ame. Muitas vezes os cristãos diante de tantos sinais ainda assim não é conhecedor do amor verdadeiro de Deus.

Tão natural quanto o sol que nasce é que cristão ou não em algum momento salvo algumas exceções passaremos por decepções amorosas, seremos iludidos ou desiludidos quanto alguns aspectos. Deitaremos nas nossas camas e teremos nosso corpo desconcertado, doente para alguns mais para outros menos. Mas a probabilidade de alguém amar ou ter amado e sofrer e ter sofrido é grande e em certo ponto é correto.

O problema é quando estacionamos no fato de não sermos amados ou não nos sentirmos amados por quem queríamos agisse assim conosco. As atitudes de amor são inclusas na liberdade do homem, é de livre escolha amar ou não, mesmo que em algum momento nos sentimos assim em relação a determinada pessoa ela livre para deixar de nos amar.

Chega a ser um problema de fé quando um cristão deixe que o fato de não ser amado por alguém determine sua vida, seu futuro, sua condição atual. “Chorar ajuda no começo, mas depois é preciso tomar uma decisão”. Até quando viremos na ilusão de um amor não correspondido? Ou de alguém que livremente escolhe de não nos amar? Fato é que aceitaria fácil a ideia dos não cristãos se sentirem sem chão, atordoados pelo fato de não serem amados afinal ainda não conheceram o amor verdadeiro do Pai. 

Mas aqueles que em determinado momento soube enxergar e sentir a luz de Cristo em suas vidas uma desilusão amorosa que se arrasta ao longo do tempo nada mais é que uma ignorância de fé. Conhecemos o amor da Cruz, da doação total, da flagelação, sabemos a fonte de amor, sabemos onde temos amor disponível o tempo todo.

Mesmo que não totalmente aquele que conheceu a Cristo sabe do amor de Deus. O amor das pessoas com toda certeza do mundo é importante para nós, inclusive é manifestação do amor de Deus em nós, mas amar é decisão e alguns não sentirão assim em relação a nós. 

É como se alguém se decidisse em não nos doar laranjas para ajudar na confecção de um bolo. Laranjas são perfeitamente dispensáveis quando formos fazer um bolo de cenoura. Alguns amores são perfeitamente dispensáveis justamente por não nos levar a conhecer a luz de Cristo, o amor verdadeiro, realmente quem somos, nesses casos precisamos deixar que o amor de Deus substitua o vazio deixado por quem decidiu não nos amar.

___♥♥____




0 comentários:

saber sofrer.

22:47 Irismar Oliveira 0 Comments


Saiba sofrer
Por Frederico Elboni
Sentir a dor é necessário. Mas sentir mesmo, não jogar por baixo dos panos sem reorganizar e inverter as prioridades. Digo chorar, sofrer, consternar-se, para depois ser digno de sorrir verdadeiramente.

A gente só sofre por algo que ainda não entendemos ou aceitamos. Talvez poucas pessoas saibam disso, mas eventualmente isso mostre um pouco do viés da vida. Eu perdi meu pai e minha irmã nessa minha curta jornada de vida. Confesso que pra mim não há sofrimento maior do que esse, tão grandioso que talvez até hoje eu ainda não saiba onde colocar toda essa saudade. Talvez nos meus sonhos ou na minha vontade de viver, vai saber…

Se eu não tivesse sentido o que deveria ser sentido na hora eu provavelmente estaria sofrendo e confuso até hoje. É como botar um ponto final em uma paixão, saudade ou desavença com ódio, seria assegurar um sofrimento prolongado onde o ato de sofrer estaria sempre no presente. E eu precisava saber separar o passado do presente.

Sim, saber sofrer é uma inteligência emocional. Mas sofrer de não saber onde colocar a dor, de querer explodir em um quarto de quatro paredes, de se perder dentro de casa, mas principalmente dentro de você.

Sabe, talvez esse texto com sensação de nós sentados na varanda do meu apartamento tomando um vinho – cabernet sauvignon que na minha opinião combina com o inverno – seja a sensação de identificação mais gostosa que exista. Não quero falar difícil, brincar com os dizeres ou tentar intumescer a sua vontade, na maioria das vezes infantil, de dizer ao mundo que você está melhor. Sofrer cuspindo suas pseudomelhorias ao mundo é coisa de adolescente e amadores.

Aceite estar desolado, mas não se desnude perante os outros. Sente-se no seu quarto, sala, ou até naquele sofá perto da varanda – igual ao meu – e leia um livro, respire, chore e guarde essas dúvidas e certezas pouco assentidas pra ti. Lide com isso de forma madura, aprenda a ser gente grande na marra, dome seus sentimentos e coloque-os no seu devido lugar. Cure suas mágoas clareando os seus horizontes e não postando fotos segurando um copo de bebida em uma festa despovoada de verdades.

Sofrer verdadeiramente não te faz menos homem ou mulher. O que te faz mais homem ou mulher é saber sofrer com maturidade.

O vazio da vida pesa. Pesa por não nos dar direção, por nos desnortear enquanto vida, mas principalmente por não fazer a gente se encontrar conosco. O vazio da vida está em viver protegido, sem amar, sem sofrer, sem arriscar, sem admitir a si quem você é, sem tirar as máscaras dos pudores, dos medos, dos preconceitos…

No auge das minhas vivências acredito que quanto mais velhos ou mais perto da morte ficamos mais perdemos a capacidade de mentir para nós mesmos. Parece que cada vez mais entendemos a importância de ter vivido uma vida digna de sentimentos e fluências verdadeiras. Os sentimentos vão ficando cada vez mais à flor da pele, pois só temos uma única chance de sermos verdadeiros. Pessoas em seu leito de morte são pessoas de verdade.

Esse é um texto da vida real, daquela que não se tem objetivo de ludibriar nem enaltecer ninguém, mas sim juntar pessoas e fazê-las sorrirem ou chorarem juntas. Então hoje eu escrevo para momentos. Que mudam de endereço, mas não de identificação. Que mudam de intensidade, mas não de insignificância. Que mudam de coração, mas não de essência. Pois quando a gente aprender a respeitar os momentos, talvez a gente aprenda a respeitar as pessoas.

___♥♥____



Fonte do artigoEntenda os Homens



0 comentários:

Um Amor que resista ao tempo

15:13 Irismar Oliveira 0 Comments

O amor nunca falha;
1 Coríntios 13:8

Não quero um amor com pouca duração 

Por Irismar Oliveira
Uma mulher encontrou-se com a vida, a paixão e o amor

VIDA: Você quer ter alguém do Seu lado? É só me pedir que te dou

MULHER disse: Eu quero sim, mas com  uma condição

VIDA: perguntou qual?

MULHER:  Respondeu: Não quero um amor com pouca duração,
 eu quero um amor que resista ao TEMPO.

VIDA:  Olhou e lhe disse: Olha esse pedido ai não vai dar para atender não viu?


Seu segundo encontro...

PAIXÃO:  Você quer ter alguém do Seu lado? É só me pedir que te dou.....

MULHER  disse: Eu quero sim, mas com  uma condição

PAIXÃO:  perguntou qual?

MULHER respondeu: Não quero um amor com pouca duração,
Eu quero um amor que resista o TEMPO.

PAIXÃO gritou: Pra quer essa condição, menina a vida é curta e o que vale mesmo é ser feliz . Sabe o que é eterno? É enquanto dura e esse durar pode ser um mês, um ano ou até mais. Olha É um pedido tipo impossível viu?

Seu terceiro Encontro foi com o amor...

Que também lhe fez a mesma pergunta.

A MULHER  que já  tinha ouvido da vida e da paixão que a coisa não era como ela sonhava lhe ficou um pouco receosa em dizer a sua condição, mas mesmo
assim lhe falou: Senhor eu quero sim mas tenho uma condição

AMOR lhe perguntou qual?

MULHER : Eu quero um amor, mas não quero um amor com pouca duração,
Quero um amor que resista o TEMPO. É possível senhor amor? Será que estou
pedindo demais?

AMOR olhou para ela e sorriu e lhe Disse: Não filha você não está pedindo demais, e  é possível sim  tem um amor que resista o tempo só tem algumas umas condições,,,,

MULHER  feliz perguntou QUAIS? 

AMOR lhe disse
Não tenha pressa... Saiba esperar
Se tem certeza do que quer...Olha os pequenos detalhes.
Acredite que existe alguém que te procura, que ora por 
você assim com Você faz por ele. 
Não tenha medo o verdadeiro amor sabe discernir entre
atração, fogo de palha e amor... 

Amada  mesmo que alguns diga Que a vida é curta, existem  certas coisas na vida que valem a pena ESPERAR, e o amor de  uma pessoa é uma delas.

Te digo o AMOR gosta de Surpreender os que nele acreditam e esperam.

Olha se por ventura tiver receio ou dúvida é só me chamar eu te ajudo..


( By Irismar Oliveira) 


___♥♥____






0 comentários:

Insiste em continuar ....

09:06 Irismar Oliveira 0 Comments

E tirou-me para um lugar espaçoso, e livrou-me, 
porque tinha prazer em mim.
2 Samuel 22:20

Certamente Eu tenho te chamado, tomado pela mão e conduzido a um caminho áspero e pedregoso. Podes olhar para cima e contemplar as planícies verdes de uma terra aprazível.

Reconhece que a Minha alegria é para ti e estou contigo no lugar abençoado da comunhão. Quantas vezes te tenho assegurado que haverá uma recompensa para a fidelidade? Chegaste agora a um ponto onde podes erguer os olhos e ver o que te espera!Preparei isto para a tua vida e tenho permanecido a teu lado durante o tempo de provação, sorrindo ao pensar no que está armazenado para a tua felicidade! Insisto que continues quando pensares em desistir, porque não permitirei que tu venhas a falhar. 

Ama-Me ainda mais do que nunca. RECONHECE A MINHA MÃO. Na verdade, a situação em que te encontras é, sem dúvida, uma providência divina. Deves aceitá-la, reconhecendo que estou contigo. Sim, Eu te darei bênçãos e as multiplicarei muito mais do que podes perceber agora. Não tenhas medo. O teu trabalho é MEU TRABALHO e estou muito bem capacitado a zelar por ele sob qualquer aspecto. 


 ( Autor: Frances Robert
(Extraído do livro A outra Viagem do Cristão)

___♥♥____



0 comentários:

Tem quer ser para os dois!!

21:20 Irismar Oliveira 0 Comments


“Os dois companheiros”

Dois homens seguiam por uma estrada fora. Como se dirigiam para o mesmo sítio tinham combinado ir juntos, para fazerem companhia um ao outro e para se ajudarem mutuamente nas surpresas da viagem.

A certa altura apareceu a um lado da estrada um machado abandonado, que o mais novo logo apanhou, dizendo muito contente: Olha, achei um machado!

Não digas achei - aconselhou o mais velho  - diga achamos, uma vez que vimos juntos e que o que encontrarmos de bom ou de mau pelo caminho tem de ser para os dois.

Mas, isto é outra coisa – protestou o primeiro – porque quem viu o machado fui eu e eu é que o apanhei; portanto é meu e muito meu.

Estavam nisto quando viram na sua frente um homem muito mal-encarado. Era o dono do machado, e avançava para eles zanzadíssimo.

Agora é que estamos mal – disse com medo o que tinha apanhado o machado.

Estamos não —respondeu o outro – estás. Porque se quiseste só para ti o que era bom, também deves ficar sozinho com o que é mau. Os bons amigos conhecem-se por repartirem entre si tanto o mal como o bem. 

Adeus! E afastou-se, deixando o outro sozinho na estrada.


E aqui termina a história dos dois companheiros





___♥♥____



0 comentários:

Á sombra do Onipotente Descansará !

12:55 Irismar Oliveira 0 Comments

Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra 
do Onipotente descansará.
Salmos 91:1


impaciência brota da determinação de desejarmos fazer aquilo que queremos. Será que você tem estado alimentando sua alma com a ideia de que sua situação é grave demais para esperar em Deus? 

Ponha de lado todas as "suposições" e "habite na sombra do Onipotente", Sal.91:1.Toda a nossa impaciência e preocupação são consequência de fazermos
 planos sem levar os planos de Deus e a forma de Deus trabalhar em conta"

Autor: Oswald Chambers-

(1874-1917)


___♥♥____



0 comentários:

Termômetro da Espiritualidade

12:33 Irismar Oliveira 0 Comments


Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, 
e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou
 como o sino que tine.

1 Coríntios 13:1


Quer saber quão espiritual uma pessoa é? 
Quer saber quão espiritual é você ?

Será que são as belas mensagens que pregamos?Os belos hinos que 
cantamos? Será as danças, teatros, evangelismo? Será as vezes que vamos a igreja? O que ofertamos ou dizimamos ? E as nossas orações? As esmolas? As doações? e etc..

É muito simples:

Vamos fazer uma pergunta básica:
Como tratamos o nosso próximo?

É isso mesmo, como tratamos as pessoas revela como está a nossa espiritualidade...
Nunca iremos separar essa máxima de que amar o próximo é um reflexo do nosso
relacionamento com DEUS.

Amar aqui não é palavras da boca pra fora ,nem dar uma cesta básica é muito mais, vai muito além.  Amar nos diz respeito a honrar, fazer pelo outro o que gostaríamos que fizessem por nós, é não trapacear, é não julgarmos, é não sermos 
arrogantes, não nos considerar superiores,não sermos egoísta, não andarmos com mentira, não caluniar, nem fofoca, não passar a perna no outro, é não humilhar, não fornicar, não defraudar, não adulterar ....

Amar é não desejar a ruína do outro mesmo que esse tenha aprontado pra você....
É sentir a dor do outro, é falar a verdade uns com os outros, é suportar uns aos outros, é estender as mãos, e quando sofrer injustiça, for maltratados, traídos, enganados, perdoarmos assim como o nosso DEUS perdoa as nossas fraquezas.

"..porque se não ama a seu irmão que está bem diante dele, como podemos amar a Deus, a quem nunca viu?E foi o próprio Deus quem disse que uma pessoa deve amar não somente a Deus, mas também a seu irmão". I João 4:20...

Amados amemos não só com palavras, mas principalmente com atitudes.

A bíblia diz em Rm 5:5 Que o Amor de DEUS já esta derramado nos corações
dos que nasceram de novo, andemos em amor

A verdadeira fé opera pelo AMOR!!

Autor: Irismar Oliveira 

___♥♥____




0 comentários: