O que eu não posso controlar, posso entregar a Deus.

09:31 Irismar Oliveira 1 Comments


EU NÃO POSSO CONTROLAR O QUE SINTO, MAS POSSO ENTREGAR O QUE SINTO A DEUS.


Eu quis ter o total controle das minhas emoções e sentimentos. mas aí é que está, eu não posso controlá-los. Posso controlar o que faço, mas não o que sinto. Talvez, seja por isso que grande parte das vezes em que sinto algo que não desejo sentir e me esforço para reprimir, como a ansiedade e até mesmo o medo do novo, as coisas começam a desandar. 



Deixe nas mãos do Senhor tudo o que você for fazer. Confie nEle de todo o coração e Ele fará o que for necessário. Salmos 37: 5

"Existe o momento certo para tudo, você é humana e precisa sentir. não reprima, só sinta e viva", foi praticamente isso o que uma amiga me disse. Tudo bem, eu posso não controlar o que sinto, mas posso entregar o que sinto a Deus. E é isso o que tenho feito.





O meu coração é complicado, afobado, teimoso (muitas vezes) e extremamente entregue ao que sente. Não sei, de fato, se isso é bom ou ruim, só sei que é preciso equilíbrio e sem Deus não sou capaz de conseguir isso.



É na ansiedade e em outros momentos não agradáveis que Ele precisa se aproximar e dizer: "Se acalma, não precisa disso", e o coração se acalma. Se acalma porque sabe reconhecer a voz de quem o cuida. Eu tenho aprendido mais sobre a paciência e confiança porque Deus está me ensinado Ainda tenho muito o que aprender. E quer saber? Estou no lugar certo. Estou com Ele, estou onde devo estar.

(Autora: Laureane Antunes)

Fonte da imagem: Pixabay.com


1 comentários:

O Poder da Generosidade.

13:13 Irismar Oliveira 1 Comments



A LARANJA

Senhor Juca estava trabalhando em seu pequeno pomar, quando descobriu entre as frutas verdes, uma bonita laranja, madura e apetitosa. Fazia calor e ele estava com sede. 

Por isso mesmo exclamou: 
- Que maravilha! Já tenho com o que me refrescar! 
E, muito contente, abriu o canivete, pronto para saborear a refrescante fruta. Porém, não chegou a descascar a bonita laranja. É que pensou na mulher e a imaginou cansada e suada perto do fogão.





- Pobrezinha! - murmurou pensativo - vou levar-lhe a primeira laranja de nosso pomar. A esposa recebeu o presente muito alegre. Entretanto, por sua vez, lembrou-se da filha, que não tardaria a voltar do ribeirão, onde estava lavando roupas. 



- Pobre pequena! - comentou ela - com esse calor, muito apreciará esta laranja! E isso dizendo, guardou a fruta para a filhinha. 

Quando a menina chegou, ficou muito contente ao receber a laranja. Mas, pensando no irmão que não demoraria a estar de volta da vila, aonde fora vender hortaliças, falou, decidida: 

- Ele voltará cansado e com sede. 
Com que prazer ele chupará esses gomos! 

E, já feliz com a ideia, correu a porteira a esperar o rapaz que logo apareceu, suado e cansado conforme ela previra. 

O irmão, satisfeito com a lembrança da menina, examinou a linda fruta, tomado de guloso interesse. 

Entretanto, quando se dispunha a descascá-la, lembrou se do pai e disse, contendo-se: - É o nosso bom velho que deve saboreá-la. Ele é quem trabalha sem descanso no pomar, e foi ele que plantou a árvore que deu tão bela fruta.



E sem vacilar foi ao encontro do pai que, comovido, agradeceu o carinho da lembrança, sem tecer, no entanto, maiores comentários. 

Naquela mesma tarde, porém, depois do jantar, ainda reunidos em torno da mesa, Juca agradeceu a Deus a felicidade que reinava em seu modesto lar. 



Depois, ante a surpresa da família, colocou num prato a bonita, madura e apetitosa laranja, e todos puderam se deliciar com os gomos da refrescante fruta que encontrara no pomar.

"Aquele que não sabe repartir não sabe amar." (d.a.)



1 comentários:

Desabafando com Deus

09:26 Irismar Oliveira 0 Comments

Desabafo


No divã com Deus

Sabe doutor Deus, não queria vir aqui hoje
afinal eu não sou louco, eu só estou aqui 
para deitar e falar, pelo menos sei se
o Senhor me escuta.

O meu problema é com o passado, eu não

consigo entender que o passado passou, 
ele sempre volta, são tantos os fantasmas 
que vem me atormentar. Não era assim 
que eu queria viver.




𝐒𝐞𝐫á 𝐪𝐮𝐞 𝐡á 𝐔𝐦 𝐫𝐞𝐦é𝐝𝐢𝐨 𝐩𝐚𝐫𝐚 𝐚𝐬 𝐝𝐨𝐫𝐞𝐬 𝐞𝐦𝐨𝐜𝐢𝐨𝐧𝐚𝐢𝐬 𝐝𝐨 𝐩𝐚𝐬𝐬𝐚𝐝𝐨?


Sabe doutor Deus, não queria vir aqui hoje

Afinal eu não sou louco, eu só estou aqui para 
deitar e falar, pelo menos sei que o Senhor me 
escuta.





O meu problema é com o presente, eu não consigo
entender como posso cometer tantos erros, são tantos 
que nem posso te enumerar.. Não era assim que eu 
queria estar.


𝐒𝐞𝐫á 𝐪𝐮𝐞 𝐡á 𝐔𝐦 𝐫𝐞𝐦é𝐝𝐢𝐨 𝐩𝐚𝐫𝐚 𝐚𝐬 𝐝𝐨𝐫𝐞𝐬 𝐞𝐦𝐨𝐜𝐢𝐨𝐧𝐚𝐢𝐬 𝐝𝐨 𝐩𝐫𝐞𝐬𝐞𝐧𝐭𝐞?


Sabe doutor Deus, não queria vir aqui hoje afinal 

eu não sou louco, eu só estou aqui para deitar e 
falar, pelo menos sei que o Senhor me escuta.
O meu problema é com o futuro, eu não consigo
Entender que o futuro ainda aconteceu, ele sempre 
existe e nunca se apresenta como bom. Não era isso 
que eu queria esperar.






𝐒𝐞𝐫á 𝐪𝐮𝐞 𝐡á 𝐔𝐦 𝐫𝐞𝐦é𝐝𝐢𝐨 𝐩𝐚𝐫𝐚𝐬 𝐝𝐨𝐫𝐞𝐬 𝐞𝐦𝐨𝐜𝐢𝐨𝐧𝐚𝐢𝐬 𝐝𝐨 𝐟𝐮𝐭𝐮𝐫𝐨?


Filho, eu não receito remédios, mas os seus 

problemas com o passado, eu quero te dizer 
que eu já esqueci tudo que me contou.
Para os seus problemas com o presente, te digo: 
Esta é a sua hora de recomeçar. E quanto aos 
seus problemas com o futuro e só você lembrar 
que ele está em minhas mãos.

Dica: Separamos para você 2 livros excelentes



Tivestes fé para deitar aqui e me deixar te ouvir 

então tens fé para seguir em frente e viver.
Quanto ao valor da consulta pague com 
uma vida de generosidade e felicidade.


( Autor: William Vicente Borges)


0 comentários:

Cuide de quem decidiu ficar

14:38 Irismar Oliveira 0 Comments

Amizades


Amigos. Amores. Até mesmo estranhos desconhecidos. Saiba cuidar de quem permanece ao seu lado. Principalmente em tempos onde todos parecem querer partir.



Saiba reconhecer o valor de quem te procura não apenas quando precisa, mas também por desejar a sua companhia. De quem sabe estar presente nos instantes alegres, mas também nas angústias e tristezas de domingo.




Amigos e amores que estendem a mão não apenas para pedir, mas também para compartilhar. Preserve bem estes. Saiba ser recíproco. Porque partir e se ausentar é sempre tão mais fácil. É o que tantos e tantas fazem nestes dias.



Deixam disponíveis somente as horas que lhes convêm, nada além disso. Nunca capazes de responder uma mensagem. De ouvir um desabafo. De dividirem o silêncio. Cuide de quem escolheu ficar. Principalmente quando tantos só sabem partir.

Cuide de quem decidiu ficar

( Autor: Mathue Jacob: Homem Que Sente


Fonte da imagem: Pixabay



Dificuldade em preparar refeiçoes para quem intolerância a lactose? Veja aqui: Receitas com zero Lactose

0 comentários:

Hoje consigo entender que amor não é atração.

09:53 Irismar Oliveira 0 Comments

casamento


Enquanto ela dormia, um sono pesado, eu beijava suas costas e acariciava os seus cabelos. Assim, encantado, me dilui em gratidão. Pensei em todas as crises, todas as tormentas que enfrentamos.

Ambos tivemos muitos motivos para partir, mas resolvemos ficar e lutar. Cada um errou do seu jeito e no seu tempo. E quando isso aconteceu, decidimos que não nos tornaríamos algozes um do outro, perdão e seguir.  Entre nós, tudo era perdoável. Fazemos isso quando acreditamos que o outro vale a pena.




Às vezes olhamos para o que nos falta e não conseguimos perceber que temos muito mais do que sonhávamos.

Apertei seu corpo quente contra o meu, esfreguei minha face em sua pele... ela dormia. Era um momento só meu. Ela nem podia imaginar como estava minha cara de bobo. -Meu Deus! Muito obrigado por ter nos dado forças para aprender a conviver com nossas limitações.





Hoje eu consigo entender que amor não é atração, nem paixão, muito menos conveniência. Amor e abraçá-la, sentir o seu cheiro, velar seu sono, cuidar de sua vigília, é fazer qualquer coisa, desde que seja com ela... E até quando ela me irrita, isso é amor!

( Autor Andrade Moraes)

0 comentários:

Nem sempre a vida é como desejamos.

11:31 Irismar Oliveira 0 Comments

vida


A VIDA NEM SEMPRE É COMO DESEJAMOS 



Nem sempre a vida é como desejamos.
Haverá dias difíceis, momentos 
ruins, encontros que vão nos 
causar dores, haverá alguns 
desencontros e uns punhados
de desentendimentos. 


Porém...
É certo que haverá dias bons e 
agradáveis. É certo que sempre 
seremos surpreendidos com belos 
encontros nesta vida.




E são esses belos encontros que 
vão trazer novas sementes para
florir a nossa jornada.

Nos dias difíceis, nos dias de 
desencontro ou nos encontro ruins,
lembre-se das boas sementes que 
você vai encontrar pelo caminho.

Essas sementes tem o poder de
renovar a vida e nos surpreender
tremendamente.


[ by Irismar Oliveira]

Fonte da imagem: Pixabay




0 comentários: