Toda conduta será avaliada pelo motivo!

09:00 Irismar Oliveira 24 Comments

A Absoluta Importância do Motivo


Por A.W. Tozer

A prova pela qual toda conduta será finalmente julgada é o motivo.

Como a água não pode subir mais alto do que o nível da sua fonte, assim a qualidade moral de um ato nunca pode ser mais elevada do que o motivo que o inspira. Por esta razão, nenhum ato procedente de um motivo mal pode ser bom, ainda que algum bem pareça resultar dele. Toda ação praticada por ira ou despeito, por exemplo, ver-se-á, afinal, que foi praticada em favor do inimigo e contra o reino de Deus.

Infelizmente, a atividade religiosa possui tal natureza, que muito desse tipo de atividade pode ser realizado por motivos maus, como a raiva, a inveja, a ambição, a vaidade e a avareza. Toda atividade desse tipo é essencialmente má e como tal será avaliada no Julgamento.
Nesta questão de motivos, como em muitas outras, os fariseus dão-nos exemplos claros. Eles continuam sendo o mais triste fracasso religioso do mundo, não por causa de erro doutrinário, nem porque eram pessoas de vida abertamente dissoluta. Todo o problema deles estava na qualidade dos seus motivos religiosos. Oravam, mas para serem ouvidos pelos homens, e, deste modo, o seu motivo arruinava as suas orações e as tornava inúteis e, realmente, más. Contribuíam para o serviço do templo, porém, às vezes, o faziam para escapar do seu dever para com os seus pais, e isto era um mal, um pecado. Os fariseus condenavam o pecado e se levantavam contra ele, quando o viam-nos outros, mas o faziam motivados por sua justiça própria e por sua dureza de coração. Isso caracterizava quase tudo o que faziam. Suas atividades eram cercadas por aparência de santidade; e essas mesmas atividades, se fossem realizadas por motivos puros, seriam boas e louváveis. Toda a fraqueza dos fariseus estava na qualidade dos seus motivos.

Isto não é uma coisa insignificante — é o que podemos concluir do fato de que aqueles religiosos formais e ortodoxos continuaram em sua cegueira, até que finalmente crucificaram o Senhor da glória, sem qualquer noção da gravidade do seu crime. 
Atos religiosos praticados por motivos vis são duplamente maus — maus em si mesmos e maus porque são praticados em nome de Deus. Isto equivale a pecar em nome dAquele Ser que é impecável, a mentir em nome dAquele que não pode mentir e a odiar em nome dAquele cuja natureza é amor.

Os crentes, especialmente os muito ativos, freqüentemente devem separar tempo para sondar a sua alma, a fim de certificarem-se dos seus motivos. Muito solo é cantado para exibição; muitos sermões são pregados para mostrar talento; muitas igrejas são fundadas como um insulto contra outra igreja. Mesmo a atividade missionária pode tornar-se competitiva, e a conquista de almas pode degenerar, tornando-se uma espécie de marketing eclesiástico, para satisfazer a carne. Não esqueçam: os fariseus eram grandes missionários, e rodeavam o mar e a terra para fazer um converso.

Um bom modo de evitar a armadilha da atividade religiosa vazia é comparecer diante de Deus, sempre que possível, com a nossa Bíblia aberta em 1 Coríntios 13. Esta passagem, embora seja considerada uma das mais belas da Bíblia, é também uma das mais severas dentre as que se acham nas Escrituras Sagradas. O apóstolo toma o serviço religioso mais elevado e o consigna à futilidade, se não for motivado pelo amor. Sem amor, profetas, mestres, oradores, filantropos e mártires são despedidos sem recompensas.
Resumindo, podemos dizer que, aos olhos de Deus, somos julgados não tanto pelo que fazemos e sim por nossos motivos para fazê-lo. Não “o quê” mas “por quê” será a pergunta importante que ouviremos, quando nós, crentes, comparecermos no tribunal, a fim de prestarmos contas dos atos praticados enquanto estávamos no corpo.


Fonte da imagem:http://www.google.com/
Postado por Vivendo pela palavra:  http://irismaroliveira.blogspot.com/

Você também pode gostar

24 comentários:

  1. Oi minha amiga tudo bem? boa e oportuna reflexão, porque nos adverte a estarmos fazendo introspectivamente uma analise de como estamos comportando como servos. Sabe as vezes esquecemos disso, que não passamos de um simples servo. E começamos a pensar como senhor determinando dando ordem pra Deus cumprir aquilo que queremos,sem dizer faça-se a tua vontade e não a minha. Sem a devida Humildade ninguem entra no reino de Deus.

    ResponderExcluir
  2. OI Eneas somos vaso levando o precioso perfume de Cristo. Davi no salmo 139 pediu uma sondagem ao Senhor: Por isso, ó Deus, examina a minha vida em detalhes! Põe os meus pensamentos e emoções à prova, toma conhecimento de tudo! Descobre qualquer caminho errado e mau e orienta-me para que eu ande sempre pelo caminho da vida eterna.

    Obrigada por sua visita e participação!!
    Te desejo uma belo dia

    ResponderExcluir
  3. Cada vez melhor!!! Parabéns...Mensagens maravilhosas.

    ResponderExcluir
  4. OI minha amada ,obrigada pela visita e por sua palavra de incentivo!!

    Te desejo um belo dia

    ResponderExcluir
  5. Graça e paz amada!

    Quando li esse texto me veio à mente a obra "O Príncipe" de Maquiavel. Há muito egocêntrismo no nosso meio atualmente, muito interesse mesquinho. As coisas têm sido feitas não por amor, mas para simplesmente se aparecer. Gostei quando o texto disse:"Muito solo é cantado para exibição; muitos sermões são pregados para mostrar talento; muitas igrejas são fundadas como um insulto contra outra igreja. Mesmo a atividade missionária pode tornar-se competitiva, e a conquista de almas pode degenerar, tornando-se uma espécie de marketing eclesiástico, para satisfazer a carne."
    Que Deus nos livre desse mal e nos faça realizar toda boa obra tendo o maior e mais correto dos motivos, o amor!

    Em Cristo,
    Ir. Samuel

    ResponderExcluir
  6. Sensacional tema, eu falava disso outro dia: como as pessoas estão acostumadas a julgar
    pela fração da suas atitudes, como um minuto é capaz de estragar uma imagem construida durante
    anos, justamente porque voce é mal avaliado pelas pessoas.

    As pessoas estão atentas as suas palavras e a sua expressao corporal, se estiver muito agitado,
    ja é considerado errado!
    Ninguem avalia o tempo de molestia!
    Eu lembrei que outro dia assisitindo um programa humoristico, um advogado foi convidado para
    contar sua trajatoria no direito, de vida e tal, e ele meencionou um de seus mentores, um
    grande jurista chamado Ruy Barbosa.

    Esse advogado estava defendendo um caso de homicidio doloso, ou seja muito dificil, o réu alegava que matou o proprio amigo porque não aguetava mais ser chamado de boizinho por ele (apelido dado por este amigo) e ele cansado de pedir e nao ser atendido, acabou com o amigo.

    Ruy Barbosa ao iniciar sua defesa levanta e diz:

    Senhor Execelentissimo Juiz; nobres jurados.
    Senhor Execelentissimo Juiz; nobres jurados.
    Senhor Execelentissimo Juiz; nobres jurados.
    Senhor Execelentissimo Juiz; nobres jurados.
    Senhor Execelentissimo Juiz; nobres jurados.

    Na sexta vez que ele ameaçou repetir seus cumprimentos, o ambiente começou a ficar inquieto, o Juiz interrompe e pergunta:

    Quando é que voce vai parar de falar isso e começar logo a defender seu cliente?
    Logo ele disse, Senhor Juiz se eu te chamando de Execelentissimo e eles de nobres, o Senhor ja
    se irritou como voce acha que esse cidadao sendo chamado de boizinho a 15 anos não iria perder
    a cabeça?

    hahahahahaha

    Bom o cara pegou uma pena minima lá e saiu... Foi justificado com um exemplo maior. O MOTIVO!!
    Está aí o modo certo de avaliar uma situação, o titulo do seu artigo diz tudo, avaliar
    o motivo e não só a conduta que aparentemente pode estar errada.
    Não “o quê” mas “por quê” é a pergunta importante realmente.

    Olha que esta ação foi terrivel, mas o motivo como se vê é realmente digno de pena, mas não
    perpétua como todos queriam. Claro que isso nao é apologia a matar e cometer outros crimes,
    mas mostrou como todos nós somos diante de repetições, no caso dele, acredito que foi justo.
    Parabens pela postagem!
    Grande Abraço.

    ResponderExcluir
  7. Graça e Paz Iris,

    Parabéns pela seleção do post, muito bom, profundo e bastante reflexivo, que possamos vivenciar isso a cada dia e fazer a Obra de Deus com amor, por Ele, e para Ele, sem holofotes pessoais.
    Oremos por aquele, que são muitos, que buscam afirmação de suas "carreiras", e aqui no sentido vulgar da palavra, para que se arrependam.
    Parabéns minha irmã e amiga.
    Fica na Paz.

    ResponderExcluir
  8. Bom dia amiga,
    Muito oportuna a postagem, quando chegar o momento e Deus perguntar que nos levou a fazer X coisa? O que vamos dizer a Ele?

    Temos que pensar e repensar muito em nossas atitudes. Somos falhos, imperfeitos mas temos que sempre buscar a santindade no Senhor, para justamente não cairmos em tentação e depois ficarmos sem resposta diante de Deus.

    ótimo dia amiga.
    Kiss♥

    ResponderExcluir
  9. Paz de Cristo Irismar No cap. 12 Paulo deu evidencias da falta de amor dos corintios na utilização dos dons espirituais. No cap. 13 é definido o verdadeiro amor. Ja o cap. 14 mostra como o amor opera. O amor é mais importante do que todos os dons espirituais exercitados na igreja. O amor faz com nossas ações e dons sejam uteis. Embora as pessoas tenham diferentes dons o amor esta disponivel a todos. otima postagem fica na paz!

    ResponderExcluir
  10. Pr. Samuel e essas motivações vem a tona através de um relacionamento mais intimo com o Senhor , pois podemos ser enganados com os "quê” que se tornam tão importante que tem trazido muito dano em nosso meio!!

    Obrigada por sua visita e participação!!

    Um bom dia

    ResponderExcluir
  11. Tem surpresa para você no meu blog – um selo de reconhecimento. Passa lá e pegue-o.

    Marlon - blog a cada manhã

    ResponderExcluir
  12. OI Augusto, esse tema é muito profundo!! Aprendi com o Senhor sobre essa questão das motivações, o que nos faz fazer algo, o que nos mover foi lbertador tanto para o meu relacionamento com Ele como com próximo. Podemos até fazer algo que externamente mereça elogios,mas é lá no profundo, no intimo que é a base que o Senhor analisa e é lá que é feita a avaliação., é Isso que determina verdadeiramente as minhas ações. Quando aprendemos isso os relacionamento com as pessoas também são beneficiados e se tornam produtivo, costumo dizer que você passa a usar os óculos de Deus e não mais será um juiz diante das ações da pessoas pois é a motivação que deve ser analisada e essa amigo só com discernimento espiritual e mesmo sabendo vai ter uma postura de corrigir em amor, somo rápido em julgar uma ação, Deus é profissional nas motivações!!

    Obrigada por sua participação !!
    Te desejo uma boa tarde

    ResponderExcluir
  13. Oi Carla é isso mesmo que nos levou a fazer X coisa? O que vamos dizer a Ele? O que podemos dizer hoje para o Senhor por aquilo que temos feito. Que as nossas vidas sejam como um rio transparente e uma casa de vidro em que que tanto dos de fora como os de dentro da casa podem ver o que ha dentro dela.

    Amiga obrigada pro sua participação!!

    Te desejo uma bela tarde

    ResponderExcluir
  14. Paz Iris
    Excelente postagem!!!
    Eu postei hoje algo que fala sobre falsos cristãos, quando puder de uma olhadinha e expresse sua opinião, ficarei muito feliz, pois sou uma jovem semente, tentando ser melhor a cada dia.E sua opinião também é muito importante para mim.
    Um beijinho
    Fabiana Padovan
    http://nascidadocoracaodedeus.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. OI André, esse texto tem sido usado até para fazer uma declaração de amor quando ele descreve o amor, só que Paulo orientou muito bem nos primeiros versículos do capitulo 13 a base que deve mover as minhas ações!!

    Amigo muito obrigada por sua participação!!

    Te desejo uma boa tarde

    ResponderExcluir
  16. Oi Fabio, 1 Corintios 13 que é peneira para sabermos se o que estamos fazendo é o “por quê ou o que". Quando fazemos para Ele o lugar que temos é por detrás das cortinas e isso nos alegra, pois ele é o noivo, ele é o Rei da glória!!

    Sim amigo que possamos ir a Deus e pedi sonda-nos Senhor e traz átona tudo que tu reprova !!

    Amigo obrigada por sua visita e participação!!

    te desejo uma boa tarde

    ResponderExcluir
  17. Oi Marlom muito obrigada por sua visita e por indicar o Vivendo pela palavra a receber esse selo!!

    irei sim pegar

    Te desejo uma bela tarde

    ResponderExcluir
  18. Oi Fabi obrigada por sua visita e pelo convite!! irei sim te visitar!!

    Te desejo uma bela tarde!!

    ResponderExcluir
  19. Olá minha querida amiga Iris!
    Estava esses dias pensando, amiga, sobre pessoas que só buscam a ajuda de Deus e Sua compreensão quando estão necessitadas de algum "milagre" ou solução para os seus problemas. E por que não conversar com Deus, em agradecimento ou cumplicidade, todos os dias, em todos os momentos? Isso nos faz ver que muitos só buscam conforto espiritual quando têm motivos (normalmente egoístas).
    Penso na gratidão sempre! Por tudo, independente das circunstâncias, cada um vive a experiência necessária para o próprio crescimento!
    Grande beijo,
    Jackie

    ResponderExcluir
  20. Ola Iris passei por aqui para lhe desejar uma ótima semana. Bjs!

    ResponderExcluir
  21. Oi Cris obrigada pela visita, também te desejo uma ótima semana!!!

    Uma boa noite

    ResponderExcluir
  22. Oi Jackie isso realmente acontece e na realidade essa busca é muito mais por aquilo que Deus pode dar do que a própria pessoa dele. Quando nos relacionamos com uma pessoa que amamos a nossa aproximação dela é muito mais de gratidão do que de busca do que ela possa nos dar e o egoísmo não reina. Jesus disse um dia quando ensinava "Se me amardes guardareis o meus mandamento" O relacionamento com Deus é uma via de mão dupla e Ele é o nosso maior modelo de doação!!
    Porque Deus amou o mundo de TAL maneira que DEU o seu único filho joão 3:16

    Amiga obrigada por sua visita e participação!!

    te desejo uma bela noite

    ResponderExcluir
  23. Olá Iris,

    Paz amada!!!

    Mensagem linda.

    bjos
    suely

    ResponderExcluir
  24. Oi Suely, muito obrigada por sua visita e participação!

    Que bom que gostou, te desejo uma bela noite!!

    ResponderExcluir