Espere sempre o melhor

 

NÃO PROTELE E NÃO DESISTA

Texto de Don Gosset( trecho do livroHá poder em suas palavras

1. Sempre espere o melhor-sempre. Jamais espere o pior- jamais. Espere um milagre. É a sua atitude para com a vida que dá forma á sua vida. Você sempre obtém exatamente o que você espera- bom ou mau. Espere o bem e você o terá. Espere o mal, e também o obterá.

2. Espere com atitude de oração. Esperando com atitudes de oração, agora mesmo você está decidindo o que você e suas circunstâncias serão amanhã.  Espere milagres em sua vida e os milagres farão parte dela. 

3. Seja uma pessoa que diz: Deus pode fazer coisas e Deus fará coisa por meu intermédio. Isso não é egoísmo; é 100% bíblico. Hebreus 11 nos fala de homens e mulheres que realizaram coisas. Você também pode realizá-las. Você pode fazer qualquer coisa que o Senhor desejar que seja feita.

4. O segredo da vitória é ação e persistência. Não adie e não desista. “[...] pela força apoderam-se dele” ( Mateus 11.12). A fé que se esforça sempre consegue coisas!

5. Viva o AGORA, o hoje, nunca o “amanhã”. Não diga o que você faria se as circunstâncias estivessem a seu favor, ou se você tivesse dinheiro, ou se você tivesse cultura, ou se você tivesse oportunidades. Varra de sua vida esse “se” e saia conquistando. Pare de sonhar com uma vida agradável que você aguarda para o próximo ano, ou daqui a dez anos, comece a viver agora mesmo máximo de sua vida. 

6. Seja grande para Deus agora. Perdoe os outros agora. Seja ousado e corajoso agora. Não deixe a vida positiva e construtiva para um futuro vago e indefinido.

7. Recuse-se a ser dominado pelo medo. "O que eu temia me sobreveio; o que receava me aconteceu" ( Jó 3:25) Seja o que for que você teme continuamente, você receberá. Você pediu, dando lugar ao medo. Não culpe a falta de sorte, o infortúnio, o destino ou "outras pessoas". Você é o seu maior inimigo, seu maior pertubador. Tenha certeza, aquilo que você TEME lhe sobrevirá. Mude isso agora mesmo afirmando: - o medo não tem lugar em meu coração, pois Deus não me deu espirito de temor.


( Fonte: Trecho do Livro: HÁ PODER EM SUAS PALAVRAS)



Um Deus silencioso



A sala de espera de Deus


Dia 2: Na sala de espera com um Deus silencioso



É muito difícil quando, sob pressão ou no meio de uma catástrofe, corremos para o Senhor e nos sentimos desconectados dele, abandonados. Clamamos na expectativa de que ele responda, mas tudo o que ouvimos é o silêncio. No entanto, a misericórdia, a graça e o amor fazem parte do caráter de Deus, assim como sua fidelidade. E, justamente por conhecê-lo, não podemos jamais interpretar seu silêncio como inatividade, mas em vez disso precisamos descansar e esperar. 


É nesse tempo de aparente silêncio que Deus intervém em nossa caminhada. Deus trabalha no silêncio, porque é no silêncio que ele transforma ansiedade e desespero em uma experiência de graça. Ele não despreza nossas emoções, mas nem sempre responde às orações como desejamos ou de modo compreensível. O Senhor apenas quer que confiemos nele, que dependamos dele e que estejamos preparados para, no tempo dele, alcançar algo além do que podemos supor.



Não podemos esquecer que Deus é santo e seus planos são perfeitos. Fomos chamados para confiar nele e obedecer-lhe, mesmo em situações desesperadoras. Embora o Senhor não mude seus planos nem adiante seu relógio, não significa que ele seja surdo ou nos ignore. Podemos e devemos derramar o coração diante dele, como fizeram Habacuque, o salmista e tantos outros personagens das Escrituras. 



Nas salas de espera, sofremos, sim, de impotência e abandono. A solidão se torna nossa companheira, mas são nessas circunstâncias tão difíceis que descobrimos que, apesar de tudo, vivemos um momento importante, profundo e singular, em que podemos estar a sós com Cristo, que sofreu dores inimagináveis por nós.


Credito da imagem: Imagem de Zandria Ross por Pixabay 

(Texto adaptado da obra- A sala de espera de Deus: O caminho do desespero para a segurança- Autor: Lisânias Moura (Mundo Cristão, 2019- app youversion)


No caminho da sala de espera


 

A sala de espera de Deus


Dia 1: No caminho da sala de espera


Uma sala de espera pode tornar-se um dos lugares mais solitários do mundo. No tempo em que ali permanecemos nem sempre experimentamos virtudes como paciência, paz, sabedoria e confiança. São muitas as razões que nos levam à sala de espera: morte, enfermidade, bancarrota, traição, separação e divórcio, violência familiar, desemprego, abandono etc.



Nessas circunstâncias, frases como: “Deus tem um plano maravilhoso para a sua vida” e “Não desanimem, apenas orem e confiem, pois Deus é soberano” parecem não fazer muito sentido. É difícil entender por que Deus muitas vezes nos deixa numa longa espera, no silêncio, como se o tempo parasse. Duvidamos de sua bondade, pois, afinal, estamos sofrendo.



O profeta Habacuque também viveu uma experiência marcante em uma sala de espera. Ele conviveu com violência, enfraquecimento da justiça, impunidade dos líderes e o triunfo do ímpio sobre quem desejava agradar a Deus. Como nós, ele também ansiava por respostas e dirigiu a Deus perguntas do mais profundo de sua alma. 


O livro de Habacuque é crucial pois traduz para hoje alguns dos mais profundos anseios do ser humano, como o de entender Deus quando seus caminhos não fazem sentido para nós. Deus, e somente Deus, é capaz de levar-nos do desespero à esperança. O desespero não precisa ser a nossa marca, embora o experimentemos, pois o mesmo Deus que Habacuque ouviu escuta a mim e a você. 



(Texto adaptado da obra- A sala de espera de Deus: O caminho do desespero para a segurança- Autor: Lisânias Moura (Mundo Cristão, 2019- app youversion)